Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

o sítio do conguito

deambulações pela net, palavras, imagens, sons, coisas estranhas... enfim, eu.

Ao fim do segundo dia de formação estou quase morto...

As sessões têm sido intensivas, mal dando tempo sequer para almoçar. Mas agora já é possível ter uma ideia geral de como se irá processar a distribuição do Magalhães.

O processo de distribuição do Magalhães será faseado. Começa na próxima semana e deverá estar completo em Janeiro de 2009. As escolas que irão receber em primeiro lugar os computadores serão aquelas que já possuírem as infra-estruturas necessárias para a sua operacionalização: redes sem fios operacionais. Para a manutenção e criação de redes nas escolas do 1º Ciclo, o Ministério da Educação conta com a colaboração das autarquias.

 

Também na próxima semana iniciar-se-á o processo de venda do Magalhães ao público geral (Nas FNAC's). Contudo este equipamento não terá o mesmo software que a versão para o 1º Ciclo. Além disso será consideravelmente mais cara: cerca de 290 euros.

 

Um outro aspecto importante que virá com o Magalhães será a consequente formação para pais e professores. No fundo este encontro/apresentação no Porto serviu para preparar os coordenadores TIC para isso mesmo. Os Coordenadores TIC da zona centro e Sul que se preparem pois em breve irão receber as convocatórias para as suas formações.

 

O Magalhães não está associado a nenhum contrato de ligação à internet. A ligação à rede depende da escola e da possível ligação em casa. Está a ser pensada um protocolo de forma a que o acesso à Internet para os alunos, seja financiado, contudo ainda não é certo.

 

O Magalhães trará uma enorme revolução à sala de aulas do primeiro ciclo não só pelas potencialidades que traz para os alunos mas também pelas mudanças de estratégias de trabalho que trará aos professores e encarregados de educação.

De facto este parece ser um dos factores que mais fará mexer as pessoas à volta desta pequena máquina. Dezenas de horas de formação e preparação para professores e encarregados de educação serão necessárias para que o projecto sequer arranque.

 

Apesar de o computador contar com um conjunto de software bastante alargado de software previamente instalado, quer no Windows, quer no Caixa Mágica, penso que há muito trabalho a fazer na área da formação aos professores e dos pais.

Mais uma tarefa para o Coordenador TIC.

 

Há que vencer as dificuldades e os medos e ver o Magalhães cada vez mais como uma ferramenta de produtividade, aprendizagem e melhoramento na sala de aulas.

 

Bem , vou para a cama que estou estourado. Nos próximos dias vou publicando mais algumas novidades sobre o Magalhães.

______

P.S. Não, não trouxe um para casa. Eu bem queria, mas...

P.P.S. Meninos do 2º Ciclo, aguardem que haverá novidades para vocês muito em breve...

10 comentários

Comentar post